quinta-feira, 30 de setembro de 2010

Eu pergunto à democracia:



Quando estava em férias, chegou-me às mãos este pequeno livro:
São mais de duas dezenas de poemas, feito por poetas populares, que nos mostram através de simples palavras, as suas vivências, os seus pontos de vista, pensamentos e sentimentos, sobre inúmeras temáticas.

Hoje, destaco este poema de Manuel José Rafael, natural de Odemira, 75 anos, agricultor, 4ª classe.

Eu pergunto à democracia
Por onde é que tem andado
Eu olho mas não a vejo
E é mistério em todo o lado

Eu ouço falar que há
Mas confesso que não a vi
Se existe não esteve aqui
Ainda não passou por cá
Mas se existe talvez vá
Visitar quem a via
Ao lado da burguesia
A onde ela se sente bem
E por onde anda que não vem
Pergunto à democracia

Pergunto mas não responde
Talvez não esteja interessada
Ela anda encapuçada
Por aí não sei aonde
Talvez ao lado de um conde
Ou alguém mais graduado
O povo sacrificado
Reclama mas não tem
E se não aparece a ninguém
Por onde é que tem andado

Talvez que ela não exista
Seu nome seja uma farsa
Já que ela aqui não passa
E por tantos nunca foi vista
Foi talvez algum artista
Pela força do desejo
Ou talvez por ensejo
Nas voltas que a vida dá
Que disse que a viu por cá
Mas eu olho e não a vejo

Dela já ouvi falar
Mas confesso que não sei
Se existe ninguém a vê
Nunca se deixa mostrar
O povo fica a pensar
Nas promessas do passado
Por ela foi enganado
Por ser tão apregoada
Mas no fundo não deu nada
E é mistério em todo o lado

*

Temos que ouvir a voz do povo
e ir à procura da democracia.
Beijinhos

quarta-feira, 29 de setembro de 2010

Recordar Mário Viegas




Beijinhos

O poder do riso ;-)

Apesar de ser um mecanismo aparentemente simples, o riso guarda um complexo sistema que envolve o cérebro e afecta todo o organismo.
O riso acelera a recuperação de convalescentes e é muito eficaz no combate à dor. O poder do riso, activa extraordinariamente a produção de endorfinas, que são tão eficientes quanto a acupunctura, o relaxamento, a meditação, os exercícios físicos e a hipnose relaxante.
A pressão arterial aumenta durante o riso mas, logo, cai abaixo dos níveis de repouso pouco depois.
Há uma redução da tensão neuro-muscular depois de um forte riso.
O riso possui um efeito anti-inflamatório na zona das articulações grande e pequenas do corpo, que contribui para reduzir a inflamação e aliviar as dores relacionadas com o reumatismo e artritismo. 



Caríssimos amigos:


Pensem bem em todos estes benefícios sobre o riso diário.
Coloquei aqui, para vocês, três dos vídeos que mais me fizeram rir nos últimos tempos.
O riso é contagiante, por isso:
 Caso tenham alguma "queda de energia", tornem a vê-los, até recarregarem novamente :-)






Beijinhos

terça-feira, 28 de setembro de 2010

Andam aborrecidos, não sabem o que fazer da vida?

Têm mais dinheiro do que conseguem gastar? 
Estão  fartos de desportos radicais, como atirarem-se de pontes e prédios ou precipitarem-se de cataratas ferozes?
Contactem a empresa Ultime Realité  que ela tem o passatempo ideal para vocês:

- Serem raptados e mantidos em cativeiro durante tempo a contratar.

O tipo de sequestro varia conforme a factura: podem ser apenas capturados e detidos, ou podem incluir na brincadeira um período maior de detenção e até fuga de helicóptero.
Uma vez assinado o contrato, não sabem como, ou quando os sequestradores atacarão.
Que tal, conhecem melhor maneira de passar o tempo?

{  pensava eu que já tinha visto tudo }

Fonte: Selecções do Readers Digest

Mas, também podem passar um bocadinho de tempo { se ainda vos sobrar algum depois destas peripécias}aqui:

"A Voz das Palavras "
onde continuo a sonhar que sou um deus, um sonho megalómano e desconcertante decerto ;-)
porque sonhar ainda é para todos e fica muito mais barato :-)

Beijinhos

segunda-feira, 27 de setembro de 2010

Quem finge melhor, os homens ou as mulheres?

Os homens:


As mulheres:




Num programa em Espanha, queriam provar quem finge melhor... se os
homens se as mulheres... por isso fizeram um casting com miúdos que
comiam um iogurte cheio de sal (sem eles saberem) e tinham que dizer assim:
'Yogurtes Glotone! que ricos!!!!'

DESCOBRIRAM? 

Beijinhos

sábado, 25 de setembro de 2010

I Can See Clearly Now



Quem não se lembra?

{Musica ‘I can see clearly now’ de ‘Johnny Nash’, gravada em 1972.}

Beijinhos

sexta-feira, 24 de setembro de 2010

E porque hoje é sexta

Desejo-vos um bom fim de semana.





Beijinhos

Pintar com amor

A minha filha pediu-me para lhe pintar uma fénix no quarto, trabalhámos em conjunto, ela fez o desenho eu pintei, não uma, mas duas, uma na parede, outra na porta do roupeiro. Depois de muuuuuuuitas horas de trabalho conjunto, ficou assim:
 O que fazemos por amor :-)
pintura a tinta acrílica [150x150 cm]
pintura com tinta de esmalte (130x80 cm)
Beijinhos

quarta-feira, 22 de setembro de 2010

Continuando a falar de MOMENTOS

"O valor das coisas não está no tempo que elas duram, mas na intensidade com que acontecem. Por isso existem momentos inesquecíveis, coisas inexplicáveis e pessoas incomparáveis."
Fernando Pessoa

Há sete anos atrás, a doença e a frustração de não obter respostas, fizeram com que iniciasse a minha entrada neste mundo "virtual".
Através de pesquisas e conselhos de pessoas que sofriam da mesma patologia, fui dar a uma comunidade bem conhecida no Brasil.
Descobri ali pessoas extraordinárias que se entregavam de corpo e alma a ajudar os outros através da sua experiência de vida.
Desenvolvi amizades que se prolongaram até hoje.
O Dr. Reginaldo Moraes é um desses amigos, sempre com uma palavra de conhecimento e de estímulo, sempre carinhoso e interessado.
Além de médico ele é também um excelente fotografo. As fotos em cima são só uma pequena amostra do que podem apreciar no seu ainda muito recente blogue, curiosamente com o título:


Ontem e porque ele sabia que era um dia especial para mim, enviou-me estas palavras:

Uma coisinha pra homenagear vc e niver do blog...

Cinco Minutos
Gosto muito de fotografia, porque numa foto há um momento captado em um átimo de segundo e que fica gravado para sempre. Não há outro momento igual! Aquele instante será daquela pessoa...daquele olhar que eternizou a imagem que viu.
Mas, momentos...são todos aqueles átimos de segundo de uma foto..ou de um ato, depende da forma que colocamos emoção no gesto que fazemos, pois, todos os instantes feitos com amor serão eternizados.
Assim é e será sempre, 5 Minutos...que nasceu da decisão de uma pessoa sensível, gentil, inteligente, educada e vivente de caminhos, inclusive dolorosos, que aprendeu a
ver e absorver emoções que ama: Fê!
Parabéns, amiga, pelos cinco minutos que me permitiram guardar instantes da minha vida!

Reginaldo Moraes

Sei, que nem preciso vos pedir para o visitarem.
Um beijinho

Momentos




Dois amigos encontraram-se. Ficaram horas a conversar diante de uma paisagem maravilhosa. A dada altura calaram-se os dois. E ficaram assim, em silêncio.

Mas um preferiu interromper. Disse: “Sabes? É mesmo bom ter um amigo assim… um amigo com quem se pode…“ - e preparava-se para acrescentar: “com quem se pode ter uma boa conversa” – mas o outro atalhou: “…um amigo com quem se pode ficar em silêncio!”. Ele sorriu: “Sim, é isso: um amigo com quem se pode ficar em silêncio” repetiu para dentro.

E pensou: “de facto, por vezes não há nada para dizer. E não é que aquilo que se experimenta seja pobre. São as palavras que são pobres. E muitas vezes estão a mais”.

Portanto, meus amigos não são precisas palavras para vos agradeçer os momentos aqui partilhados.
 Beijinhos a todos

terça-feira, 21 de setembro de 2010

UM ANO A BLOGAR

Photobucket
Photobucket
Photobucket
Photobucket
Photobucket

Tantos minutos a  blogar
Sempre em boa companhia
Que mais posso eu desejar
Ao comemorar este dia

Sou azul e pequenino
O meu canto é desigual
Uns dias sei cantar bem
Outros dias canto mal

Mas com a vossa amizade
E com o vosso carinho
Prometo-vos  lealdade
Palavra de passarinho !


E agora, porque sei que todos já treinaram ;-)
Toca a dançar, a rir e a cantar que hoje é dia de festa!



Beijinhos

{nota muito especial: Não se esqueçam de espreitar aqui }


segunda-feira, 20 de setembro de 2010

A Voz das Palavras


Recebi e aceitei com muito prazer o convite para colaborar com o blogue "A Voz das Palavras".
Fazer parte de um grupo de amigos, que admiro e escrevem bem é um desafio que me deixa honrada mas também apreensiva.
A minha imaginação sempre disfarçou a minha simples maneira de escrever, tenho muitas limitações na escrita que tento ultrapassar escrevendo emoções e vivências. 
Não tenho pretensões, escrevo com o coração, é ele que me inspira e me indica sempre o caminho a seguir.
Sigo-o uma vez mais porque sei que ele tem sempre razão.
Só podemos dar voz às palavras quando as sentimos e vivemos.

 Só vos peço 5 minutos no Voz das Palavras ;-)

Beijinhos

domingo, 19 de setembro de 2010

Outono está a chegar.

AdicAnchise Picchi, The Flying, 1911
«É de nós, as Aves, que os Homens recebem as maiores bênçãos.
Por nós, ficam a saber da chegada da Primavera, do Inverno, do Outono.
O grito da garça, durante o seu voo para a Lybia, anuncia-lhes que é tempo de semear.
Por nós, o comandante do navio fica a saber que pode abandonar o leme e dormir uma noite descansada.
Por nós, Orestes sabe que deve tecer uma capa quentinha para o Inverno — não vale a pena deixar-se enregelar durante as suas expedições de ratoneiro.
Quando surge o Milhafre, nova estação se aproxima!
É o tempo da tosquia, quando chega a Primavera, e as andorinhas aconselham a troca das roupas quentes por vestes mais estivais.»
{Aristófanes, As Aves }


Bom domingo!
Beijinhos

sexta-feira, 17 de setembro de 2010

APELO-Ajudem o João



"OLÁ, EU SOU O JOÃO ANDRÉ, TENHO 9 ANOS E TENHO LEUCEMIA.

FOI-ME DIAGNOSTICADA A DOENÇA A 15 DE JULHO DE 2010 E ESTOU NO IPO (INSTITUTO PORTUGUÊS DE ONCOLOGIA FRANCISCO GENTIL) DE LISBOA .

A MINHA LEUCEMIA É RARA, TÃO RARA QUE SÓ FICO BOM COM O TRANSPLANTE DE MEDULA ÓSSEA.

SER DADOR NÃO DÓI E PODE SALVAR A MINHA VIDA E A VIDA DE OUTROS MENINOS COMO EU. "

Acabei de receber este pedido urgente por email de uma pessoa da minha confiança, o João tem um blogue,
 onde se podem  inteirar do seu estado de saúde.


Os locais de recolha  são já amanhã.
-Mafra, dia 18-09-2010, das 10h00 às 16h00 em frente ao Convento.
-Costa da Caparica, dia 18-09-2010, das 10h00 às 16h00, na Escola Básica da Costa da Caparica.
 -SOROPTIMIST INTERNACIONAL CLUBE DE SETÚBAL está a organizar uma colheita de sangue feita pelo CEDACE (Centro de Histocompatibilidade do Sul), que terá lugar já no dia 26 de Setembro na Qtª dos Moinhos de S. Filipe em pleno Parque Natural da Arrábida com uma magnífica vista sobre o Estuário do Sado, entre as 10:00 e as 16:00.


Fica sempre um pouco de perfume nas mãos que oferecem rosas...
[provérbio chinês)




Beijinhos

DIA DE ANIVERSÁRIO ;-)

Não, não é hoje, é só no dia 21, mas até lá convém treinar.
Aproveitem já o fim de semana para começar :-))





E depois não digam que não vos dou bons conselhos ;-)
Beijinhos

quinta-feira, 16 de setembro de 2010

Somos uma família !





Aproxima-se o primeiro aniversário do" Só te peço 5 minutos" e  confesso que ando ansiosa, quero encontrar as palavras certas para exprimir o quanto este "cantinho" representa para mim. 
Comecei aqui,  já o disse e nunca me cansarei de repetir, graças ao carinho e amizade da minha querida  Caminhante.
Todos vós, que fazem o favor de aqui estarem presentes com as vossas visitas e comentários, fazem parte da minha família, porque afinal somos já uma grande família.
Tenho por cada um de vós um carinho especial, as vossas alegrias contagiam-me, os vossos desabafos e  tristezas comovem-me.
Quando, por qualquer motivo, alguém tem que nos deixar, sinto um grande vazio e tristeza, detesto partidas e despedidas.
Fiquei triste quando a querida Eva Gonçalves teve que nos deixar, fiquei triste com a despedida do amigo Carlos Barbosa de Oliveira , fiquei triste com as palavras de adeus da doce Rosana do outro lado do Atlântico, e ontem fiquei triste quando o Sam Seaborn me comunicou que também tinha que o fazer.
Deste último amigo, guardo as palavras de estímulo, quando aqui tive momentos de insegurança, foram elas que elevaram a minha auto-estima e me incentivaram a tentar "aperfeiçoar" esta minha simples maneira de escrever.
Não me quero alongar mais, até porque só vos peço 5minutos ;-), mas é graças a esta nossa família, e a esta nossa união, que eu hoje estou aqui.

Beijinhos a todos

quarta-feira, 15 de setembro de 2010

Retrato de um pássaro


( tradução de Eugénio de Andrade)


Pinta primeiro uma gaiola
com a porta aberta
pinta a seguir
qualquer coisa bonita
qualquer coisa simples
qualquer coisa bela
qualquer coisa útil
para o pássaro
agora encosta a tela a uma árvore
num jardim
num bosque
ou até numa floresta
esconde-te atrás da árvore
sem dizeres nada
sem te mexeres...
Às vezes o pássaro não demora
mas pode também levar anos
antes que se decida
Não deves desanimar
espera
espera anos se for preciso
a rapidez ou a lentidão da chegada
do pássaro não tem qualquer relação
com o acabamento do quadro
Quando o pássaro chegar
se chegar
mergulha no mais fundo silêncio
espera que o pássaro entre na gaiola
e quando tiver entrado
fecha a porta devagarinho com o pincel
depois
apaga uma a uma todas as grades
com cuidado não vás tocar nalguma das penas
Faz a seguir o retrato da árvore
escolhendo o mais belo dos ramos
para o pássaro
pinta também o verde da folhagem a frescura do vento
a poeira do sol
e o ruído dos bichos entre as ervas no calor do verão
e agora espera que o pássaro se decida a cantar
se o pássaro não cantar
é mau sinal
é sinal que o quadro não presta
mas se cantar é bom sinal
sinal de que podes assinar
então arranca com muito cuidado
uma das penas do pássaro
e escreve o teu nome num canto do quadro.

 
Jacques Prévert (França, 1900-1977)



{ talvez este pássaro...seja um pássaro azul...quem sabe... }
Beijinhos

terça-feira, 14 de setembro de 2010

Transformo-as em flores

[pintura minha] óleo sobre tela



De vez em quando
  A angústia, preocupação e incerteza batem-me à porta
De tempos a tempos elas gostam de me visitar
Às vezes batem de leve, mal as ouço
Outras com violência, parecendo que a querem arrombar.
Fico insegura
Talvez abra a porta, só para deixarem de me importunar
A casa treme, os vidros parecem estoirar
  A minha cabeça lateja, o coração quase que me salta do peito
 Sinto uma vontade enorme de fugir,
para longe...
                                                 ...muito longe.


Tenho que resistir, preciso de o fazer.

Pego então nos velhos e gastos pincéis
E nos sujos tubos de tinta 
E pinto.
Pinto com raiva!
  As dúvidas, as tristezas e as dores
Misturo-as com lágrimas e com tinta
  Porque tenho ainda a doce ilusão
  de as poder transformar
em flores.





{Para a fábrica de letras, desafio de Setembro  "Tema livre"}

segunda-feira, 13 de setembro de 2010

...faz de conta...


..faz de conta... que durante a minha ausência, não houve acidentes, fogos, crimes e  intrigas e todos os dias foram repletos de boas notícias

...faz de conta... que os desempregados sabem que a crise é passageira e logo logo vão resolver a sua vida


...faz de conta... que o governo, governa, os tribunais funcionam, os culpados são penalizados e todos vivemos seguros e tranquilos

...faz de conta... que os jovens encontraram o seu rumo e começam finalmente a planear o futuro

...faz de conta... que o mundo é perfeito e palavras como:  guerra, fome, injustiça, ganância e intolerância  não fazem sentido

...faz de conta... que tive uma férias perfeitas, que me encontro renovada, confiante, positiva e cheia de inspiração

 
- Faz de conta que sou abelha.
- Eu serei a flor mais bela
- Faz de conta que sou cardo.
- Eu serei somente orvalho.
- Faz de conta que sou potro.
- Eu serei sombra em Agosto.
- Faz de conta que sou choupo.
- Eu serei pássaro louco,
   pássaro voando e voando
   sobre ti vezes sem conta.
- Faz de conta, faz de conta.
Eugénio de Andrade



Estou de volta!

Beijinhos

sexta-feira, 10 de setembro de 2010

Viagem...

" Não é verdade.
A viagem não acaba nunca.
Só os viajantes acabam.

E mesmo estes podem prolongar-se em memória, em lembrança, em narrativa.
Quando o visitante sentou na areia da praia e disse:

“Não há mais o que ver”, saiba que não era assim. 
O fim de uma viagem é apenas o começo de outra.

É preciso ver o que não foi visto, ver outra vez o que se viu já, ver na Primavera o que se vira no Verão,
ver de dia o que se viu de noite, com  Sol onde primeiramente a chuva caía, ver a seara verde
o fruto maduro, a pedra que mudou de lugar, a sombra que aqui não estava.
É preciso voltar aos passos que foram dados, para repetir e para traçar caminhos novos ao lado deles.

É preciso recomeçar a viagem. 


Sempre."

Texto de José Saramago (Viagem a Portugal)
Fotos minhas.
Beijinhos e bom fim de semana.

domingo, 5 de setembro de 2010