sexta-feira, 30 de dezembro de 2011

ATÉ 2012!

«Sede como os pássaros que, ao pousarem um instante sobre ramos muito leves, sentem-nos ceder, mas cantam! Eles sabem que possuem asas.»
Victor Hugo

Vamos cantar e voar
e não deixar que nos tirem estas capacidades.
Feliz Ano Novo!
beijinhos
Fê Blue Bird

feliz ano novo 2012


terça-feira, 27 de dezembro de 2011

UM NATAL BEM BRASILEIRO


Ainda em clima natalício e em vésperas de 2012, partilho convosco um vídeo produzido pela marca Luigi Bertolli com músicos de todo Brasil cantando " Bate o Sino " em ritmo de pura festa e alegria.
Apreciem:

Beijinhos a todos, particularmente aos meus amigos e amigas do outro lado do Atlântico.

Fê Blue Bird

sexta-feira, 23 de dezembro de 2011

A CHRISTMAS STORY - Journey of the angels

 {tinha que partilhar convosco este excelente vídeo,
se puderem apreciem até ao fim}




Até para a semana, FELIZ NATAL!
Beijinhos
Fê Blue Bird


segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

ADIVINHA O QUANTO GOSTO DE TI !

Desejo a todos vós,
Meus Amigos e Amigas, 
um Natal repleto de Saúde, Amor e Paz.
Porque TODOS fazem parte deste blogue,
ofereço-vos este pequeno presente de Natal.
Beijinhos
Fê Blue Bird






Gosto de todos vós, desde aqui até à Lua.
Gosto de todos vós, desde a Lua até aqui.
Gosto de todos vós, simplesmente porque gosto.
E é tão bom viver assim !
 
Já pensei dar-te uma flor, com um bilhete, mas nem sei o que escrever.
Sinto as pernas a tremer, quando sorris pra mim, quando deixo de te ver.
Vem jogar comigo um jogo, eu por ti e tu por mim.
Fecha os olhos e adivinha, quanto é que eu gosto de ti.
Gosto de ti, desde aqui até à lua.
Gosto de ti, desde a Lua até aqui.
Gosto de ti, simplesmente porque gosto.
E é tão bom viver assim.
Ando a ver se me decido, como te vou dizer, como hei-de te contar.
Até já fiz um avião, com um papel azul, mas voou da minha mão.
Vem jogar comigo um jogo, eu por ti e tu por mim.
Fecha os olhos e adivinha, quanto é que eu gosto de ti.
 Gosto de ti, desde aqui até à lua.

Gosto de ti, desde a Lua até aqui.
Gosto de ti, simplesmente porque gosto.
E é tão bom viver assim.
Quantas vezes eu parei à tua porta.
Quantas vezes nem olhaste para mim.
Quantas vezes eu pedi que adivinhasses.
Quanto é que eu gosto de ti.

Gosto de ti, desde aqui até à lua.
Gosto de ti, desde a Lua até aqui.
Gosto de ti, simplesmente porque gosto.
E é tão bom viver assim.
Já pensei dar-te uma flor, com um bilhete, mas nem sei o que escrever.
Sinto as pernas a tremer, quando sorris pra mim, quando deixo de te ver.
Vem jogar comigo um jogo, eu por ti e tu por mim.
Fecha os olhos e adivinha, quanto é que eu gosto de ti.
Gosto de ti, desde aqui até à lua.
Gosto de ti, desde a Lua até aqui.
Gosto de ti, simplesmente porque gosto.
E é tão bom viver assim.
Ando a ver se me decido, como te vou dizer, como hei-de te contar.

Até já fiz um avião, com um papel azul, mas voou da minha mão.
Vem jogar comigo um jogo, eu por ti e tu por mim.
Fecha os olhos e adivinha, quanto é que eu gosto de ti.
Gosto de ti, desde aqui até à Lua.
Gosto de ti, desde a Lua até aqui.
Gosto de ti, simplesmente porque gosto.
E é tão bom viver assim.
Ando a ver se me decido, como te vou dizer, como hei-de te contar.
Até já fiz um avião, com um papel azul, mas voou da minha mão.
Vem jogar comigo um jogo, eu por ti e tu por mim.
Fecha os olhos e adivinha, quanto é que eu gosto de ti.
Gosto de ti, desde aqui até à lua.
Gosto de ti, desde a Lua até aqui.
Gosto de ti, simplesmente porque gosto.
E é tão bom viver assim.
Quantas vezes eu parei à tua porta.
Quantas vezes nem olhaste para mim.
Quantas vezes eu pedi que adivinhasses.
Quanto é que eu gosto de ti.
Gosto de ti, desde aqui até à lua.
Gosto de ti, desde a Lua até aqui.
Gosto de ti, simplesmente porque gosto.
E é tão bom viver assim.
Gosto de ti, desde aqui até à lua.
Gosto de ti, desde a Lua até aqui.
Gosto de ti, simplesmente porque gosto.
E é tão bom viver assim.
Gosto de ti, desde aqui até à lua.
Gosto de ti, desde a Lua até aqui.

Gosto de ti, simplesmente porque gosto.
E é tão bom viver assim.
Gosto de ti, desde aqui até à lua.
Gosto de ti, desde a Lua até aqui.
Gosto de ti, simplesmente porque gosto.
E é tão bom viver assim.

 

poema de Andre Sardet

imagens de perfil todos os meus Amigos e Amigas