segunda-feira, 30 de setembro de 2013

SAWABONA !

SAWABONA, é um cumprimento usado na África do Sul que quer dizer:

 "EU TE RESPEITO, EU TE VALORIZO, ÉS IMPORTANTE PARA MIM".

Em resposta as pessoas dizem:  SHIKOBA que é:

"ENTÃO EU EXISTO PARA TI". 

*

Há uma "tribo" africana que tem um costume muito bonito. Quando alguém faz algo errado, levam-no para o centro da aldeia e toda a tribo o rodeia.

Durante dois dias, toda a tribo vai dizer as coisas boas que essa pessoa já fez.

Eles acreditam que cada ser humano vem ao mundo como um ser bom. Só desejando segurança, amor, paz, felicidade.

Mas às vezes, nessa busca as pessoas cometem erros.

Aquela comunidade vê aqueles erros como um grito de socorro.

Então, em vez de se afastarem da pessoa que errou, eles  unem-se para erguê-lo, para reconectá-lo com sua verdadeira natureza, para lembrá-lo quem ele realmente é.

"UM SER BOM "





 BOA SEMANA !

SAWABONA !




sexta-feira, 27 de setembro de 2013

NÃO VOTO !

Votar para quê? Votar para quem? Votar em quem? 

 

Pela primeira vez não exercerei o meu direito de voto no próximo domingo.
 Vou abster-me, estou cansada de tanta mentira e incapacidade governativa.
Não vou votar porque sei que isso seria um acto inútil e ilusório.

Convido-os a ver o vídeo e a ler o post muito elucidativo da minha amiga



terça-feira, 24 de setembro de 2013

hei-de ir à procura...


hei-de ir à procura
duma réstia de verão
nas folhas secas de Setembro
caídas no chão

hei-de ir à procura
dos ninhos e das miragens
leves como algodão
que me iludirão

guardo-as na minha estante

e quando o Inverno chegar
fecho os olhos
e recordo intensamente
essas luzes mortiças

restos de vida!

réstias de verão !



sábado, 21 de setembro de 2013

Hoje - É um dia especial !


4º ANIVERSÁRIO DO

"Só te peço 5 minutos "

São MUUUUUUUITOS MINUTOS :)


Alguns dias– não todos – podem ser dias marcantes.
 Claro que pode não ser Hoje.
mas Hoje decidi dar-lhe esta oportunidade.
 Porque Hoje,
 - É um dia especial !

 Há dias que marcam, dias que afectam, 
dias que acontecem devagar, outros mais velozmente,
 dias que surpreendem, dias rotineiros, dias para esquecer,
dias com risos, dias com dores, dias de ilusão,
 dias de decepção,  dias de desistência, dias de luta, 
 e dias... dias apenas . 

Mas Hoje, importa sorrir, comemorar.
 Porque Hoje,
-  É um dia especial ! 

Que este dia seja a continuidade,
 o fortalecer de afectos, que resulta da soma de muitos dias.
 Um sorriso recebendo o dia de Hoje,
 mais uns quantos que decerto virão.

 Partilhando-os sempre !

 Tendo sempre o prazer da vossa companhia !

 Brindemos pois a Hoje ! 

-Um dia especial

HIP HIP HURRA! 




Para todos os meus amigos e amigas,
 que ao longo de quatro anos me fazem companhia
e me dão provas constantes de amizade,

uma pequena lembrança,

um abraço forte,

um beijinho amigo.





quarta-feira, 18 de setembro de 2013

"Você vai rir se lhe disser que estou cheio de flor e passarinho.

Que nada do que amei na vida se acabou: e mal consigo andar tanto isso pesa."

Ferreira Gullar



Sem esforço algum,
beijei o dia
e o sabor das palavras
subiram e desceram
pelo céu de minha boca.
Por isso esse versejar
que agora
ecoa em meu peito.

Difícil mesmo
foi estancar o passo,
desviar meus olhos
das asas ligeiras e azuis.
Sem pedir licença
invadi um íntimo momento
das hortênsias.

(Rita Costa)
*

“O Canto dos Pássaros”, música tradicional catalã, na execução de Pablo Casals e imagens belíssimas de pinturas orientais e ocidentais de pássaros.



"Os indígenas deram nomes muito sugestivos para os beija-flores, que descreviam com perfeição esses pássaros encantadores:
Para os índios caraíbas, eles eram os "colibris", que significa "área resplandecente".
Os tupis os batizaram de "guainumbis", ou seja, "pássaros cintilantes".
Já para os índios guaranis, os beija-flores eram os "mainumbis", isto é, "aqueles que encantam, junto à flor, com sua luz e esplendor".



segunda-feira, 16 de setembro de 2013

Prémio- Um "Blog Real"

« Este Prémio contempla os bloguistas que administram um “Blog Real”, não importando qual a temática nem o conteúdo, já que te sentes muito perto dos teus seguidores e és fiel a ti mesmo/a, compartilhando a tua sabedoria e conhecimentos com todos e não desanimando nunca nos maus momentos. Partilha este Prémio com os blogues que consideres “Reais” e sejam merecedores de um reconhecimento, sem importar a quantidade de publicações e comentários que tenham. »


Recebi este prémio da minha querida amiga Janita
  do blog "O CANTINHO DA JANITA".
Obrigada amiga pelo carinho.

*
Ao aceitar com todo o gosto este Prémio,
 aceito também responder às duas perguntas que vieram com ele:

 - “ O que mais gostas da vida?”
-O maior "gosto" que tenho na vida é,  SER MÃE. 

meus filhos

 - “Há alguma mensagem que desejes partilhar?”
-As sábias palavras de Osho:

O RIO E O OCEANO



Diz-se que, mesmo antes de um rio cair no oceano ele treme de medo.
Olha para trás, para toda a jornada, os cumes, as montanhas,
 o longo caminho sinuoso através das florestas, através dos povoados,
 e vê à sua frente um oceano tão vasto que entrar nele nada mais é do que desaparecer para sempre.
 Mas não há outra maneira. O rio não pode voltar para trás.
 Ninguém pode voltar para trás.
Voltar é impossível na existência. Só podemos apenas ir em frente.
 O rio precisa de arriscar e entrar no oceano.
 E somente quando ele entra no oceano é que o medo desaparece.
 Porque então o rio saberá que não se trata de desaparecer no oceano, mas tornar-se oceano.
 Por um lado é desaparecimento e por outro lado é renascimento.
Assim somos nós.
 Só podemos ir em frente e arriscar.

 Coragem !!!

Avança firme e torna-te Oceano!!!

 *
 Não vou escolher os bloguistas amigos para darem seguimento a esta corrente, decidi deixar ao vosso critério. Conto convosco!

beijinho

domingo, 15 de setembro de 2013

Só te peço...

... UM SORRISO :)
http://olhares.sapo.pt/


Bactéria ó que linda bactéria
Bactéria alentejana
Os teus plasmídeos são os mais lindos
Que andam dentro da membrana

Eu gosto muito de ver
Ao microscópio todo o ano
Os 20 mil ribossomas
No teu citoplasma bacteriano

Bactéria ó que linda bactéria
Bactéria dos montes e matos
Tu tens lá dentro os mais lindos
Polímeros de carboidratos


BOA SEMANA!

terça-feira, 10 de setembro de 2013

"Felicidade assim sem mais nem menos é muito esquisito."



FELICIDADE

                                                                       Luiz Tatit

Não sei por que eu tô tão feliz
Não há motivo algum pra ter tanta felicidade
Não sei o que que foi que eu fiz
Se eu fui perdendo o senso de realidade
Um sentimento indefinido
Foi me tomando ao cair da tarde
Infelizmente era felicidade
Claro que é muito gostoso, claro
Claro que eu não acredito
Felicidade assim sem mais nem menos é muito esquisito.

Não sei por que eu tô tão feliz
Preciso refletir um pouco e sair do barato
Não posso continuar assim feliz
Como se fosse um sentimento inato
Sem ter o menor motivo
Sem uma razão de fato
Ser feliz assim é meio chato
E as coisas nem vão muito bem
Perdi o dinheiro que eu tinha guardado
E pra completar depois disso
Eu fui despedido e estou desempregado
Amor que sempre foi meu forte
Não tenho tido muita sorte
Estou sozinho, sem saída
Sem dinheiro e sem comida e feliz da vida.

Não sei por que eu tô tão feliz
Vai ver que é pra esconder no fundo uma infelicidade
Pensei que fosse por aí, fiz todas terapias que tem na cidade
A conclusão veio depressa
Sem nenhuma novidade
O meu problema era felicidade
Não fiquei desesperado, não
Fui até bem razoável
Felicidade quando é no começo ainda é controlável.

Não sei o que que foi que eu fiz
Pra merecer estar radiante de felicidade
Mais fácil ver o que não fiz
Fiz muito pouca coisa aqui pra minha idade
Não me dediquei a nada
Tudo eu fiz pela metade
Por que então tanta felicidade?
E dizem que eu só penso em mim
Que sou muito centrado, que eu sou egoísta
Tem gente que põe meus defeitos
Em ordem alfabética e faz uma lista
Por isso não se justifica tanto privilégio de felicidade
Independente dos deslizes
Dentre todos os felizes sou o mais feliz.

Não sei por que eu tô tão feliz
E já nem sei se é necessário ter um bom motivo
A busca de uma razão me deu dor de cabeça, acabou comigo
Enfim, eu já tentei de tudo
Enfim eu quis ser consequente
Mas desisti, vou ser feliz pra sempre
Peço a todos com licença
Vamos liberar o pedaço
Felicidade assim desse tamanho só com muito espaço.



"Eu quero levar um soco de felicidade, mas parece que felicidade não dá soco, só suspira perto de você. O que dá soco é tristeza”.
. Monique Farias do blog Aparente Liberdade .

domingo, 8 de setembro de 2013

Conselho da Semana .

quando a cabeça está avariada
escolhe outra, não custa nada

Boa Semana ! 

ouçam este exemplo de uma cabeça muito avariada :) 

sexta-feira, 6 de setembro de 2013

Bom fim de semana !



Estava cansada. Tinha tido uma semana extenuante. Pensou para si própria que apesar da fadiga iria tentar de novo ler todos os blogues que ainda não tinha lido e responder a todos que se foram amontoando enquanto esteve ausente.
Mas, por volta das dez horas da noite, já estava a semicerrar os olhos sentindo uma vontade enorme de se deitar e de ler um pouco até adormecer. Aquele livro pousado na sua mesa-de-cabeceira há cerca de dois meses já a incomodava. Até era interessante, caso contrário já o teria posto de parte, mas nos últimos tempos só conseguia ler duas ou três páginas por noite.
Ao abrir um e-mail que uma amiga lhe enviara, reparou num link de um site de música. Não resistindo ao apelo implícito, abriu o site e começou a ouvir...
Com um sorriso pensou que esta sua amiga de longa data sempre tivera bom gosto e conhecia-a tão bem.
Deliciada, esqueceu o sono e o cansaço e enquanto a música soava, uma sensação de paz e de conforto tomava conta dela como há muito não acontecia. De tempos a tempos, parava, fechava os olhos e languidamente deixava que a música a invadisse, transportando-a para mundos de sonhos e fantasia, de amor e paz.
Sentia que grande parte da sua vida já tinha passado, no entanto isso não a entristeceu, antes fez com que ela entendesse, naquela noite de repentina insónia, que apesar de tantas contrariedades continuaria a apreciar todos os momentos da vida, como aquele em que em silêncio apenas lhe chegavam baixinho os sons da música.
Quantos aos blogues, amanhã tentaria de novo...



Fê blue bird