quarta-feira, 13 de maio de 2015

O meu mundo deixou de estar completo...

 O meu mundo deixou de estar completo...

Horário do Fim 

morre-se nada
quando chega a vez

é só um solavanco
na estrada por onde já não vamos

morre-se tudo
quando não é o justo momento

e não é nunca
esse momento

Mia Couto
*

Um beijinho e até ...


59 comentários:

  1. Fê, fica bem e meu abraço forte de carinho nessa hora! beijos,chica

    ResponderEliminar
  2. ..Pai. A tarde dissolve-se sobre a terra, sobre a nossa casa. O céu desfia um sopro quieto nos rostos. Acende-se a lua. Translúcida, adormece um sono cálido nos olhares. Anoitece devagar. Dizia nunca esquecerei, e lembro-me. Anoitecia devagar e, a esta hora, nesta altura do ano, desenrolavas a mangueira com todos os preceitos e, seguindo regras certas, regavas as árvores e flores do quintal; e tudo isso me ensinavas, tudo isso me explicavas.
    Pai. Nunca envelheceste, e eu queria ver-te velho, velhinho aqui no nosso quintal, a regar as árvores, a regar as flores. Sinto tanto falta das tuas palavras. Orienta-te, rapaz. Sim. Eu oriento-me, pai. E fico. Estou...
    (é um bocadinho de "Morreste-me do José Luís Peixoto.
    Para ti, neste dia em que os poetas não existem, nem os contadores de histórias.
    Beijo-te...

    ResponderEliminar
  3. Não sei quem partiu, mas quem que seja era alguém importante para ti, pelo que estou solidário com a tua dor, até porque há 10 dias também perdi uma pessoa querida.

    ResponderEliminar

  4. Estás "proibida" de desaparecer... agora que mais precisas dos teus amigos!

    (Para Ti)

    Um abraço muito apertado...
    E até já

    ResponderEliminar
  5. Um abraço muito apertado e amigo. Que possas renovar-te e voltar com as memórias doces de quem partiu.

    ResponderEliminar
  6. Morrer e viver são duas versões do nosso ser.
    Chegamos um dia no florir da esperança
    Depois partimos em silêncio e sem saber
    Onde encontrar a Boa Nova - Outra herança.

    Beijinhos nossos

    ResponderEliminar
  7. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  8. Alguém que partiu, só pode ser :-(
    Um beijinho, amiga.

    ResponderEliminar
  9. Fê, um abraço sentido e bem apertado. Estamos cá para o que precisar.

    ResponderEliminar
  10. Um dia, assim, minha filhas dirão o mesmo de mim
    sobre a minha partida, pois a tenho como certa, na incerteza da hora

    Tenho a certeza disso. O amor reciproco dá-nos certezas.

    A si, que lhe diga, minha amiga?

    Talvez... que sempre se lembre para sempre do que falava Quintana

    dessas "mãos nodosas...
    essa chama de vida — que transcende a própria vida...
    e que os Anjos, um dia, chamarão de alma... "

    Beijo solidário

    ResponderEliminar
  11. Prima, quem quer que tenha partidodeixa sempre um vazio. Nunca será ocupado. Um beijo para ti e força
    Kis :>)

    ResponderEliminar
  12. Quando alguém morre, a gente deixa de ser... o que era desse alguém...

    ResponderEliminar
  13. ~ ~ ~
    ~~~~~~ Querida Fbb.

    ~~~ Um longo e sentido abraço,

    ~~ com muita amizade e carinho.

    ~~~ É tempo de recolhimento...

    ~~~~~~~ Espero-te.

    ~~~~~ Beijo. ~~~~~
    ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~
    .

    ResponderEliminar
  14. Lindo e triste! Força.

    Beijinhos

    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  15. Por muito que te possa dizer, não existem palavras capazes de confortar um coração em pedaços perante tamanha dor.

    Um beijinho minha amiga e até

    ResponderEliminar
  16. Triste! :-(

    Visite-http://quadrasepensamentos.blogspot.pt/
    Beijos

    ResponderEliminar
  17. Minha querida Fê...como as palavras serão vãs neste momento, deixo um grande e apertado abraço em silêncio...e este pedacinho do poema que lhe dedicaste, com todo o Amor, e continuarás a dedicar nesse "Dia"...:

    "E é, ainda, a vida
    que transfigura das tuas mãos nodosas...
    essa chama de vida — que transcende a própria vida...
    e que os Anjos, um dia, chamarão de alma..."

    Um beijinho e até...que te sintas preparada para voltar! Nós cá estaremos à tua espera, Amiga!

    Com afecto solidário.

    Janita

    ResponderEliminar
  18. Querida amiga sinto um pesar enorme nesta postagem ,espero que não nos deixe ,muitos beijinhos no coração.

    ResponderEliminar
  19. Cara Fê
    Neste mau momento aceite um beijo de solidariedade.
    Rodrigo

    ResponderEliminar
  20. Gostaria de anular esta data que te sufoca mas não tenho esse poder, pois sinto muito o teu coração chorar por querer um abraço dele. O amor por Pai é eterno! E a falta que ele faz também!
    Sentidos pêsames, abraço com carinho.

    ResponderEliminar
  21. Lamento muito, Fê!

    Recebe beijo solidários de quem passou pelo mesmo aos vinte anos. É muito doloroso. Beijos, beijos, beijos...

    ResponderEliminar
  22. Querida Fê
    Sei que o momento é de tristeza e dor amiga mas tenha força e coragem querida
    Minha solidariedade e meu abraço bem forte
    Beijos minha flor

    ResponderEliminar
  23. Em nosso jardim as borboletas passeiam todas manhãs e somos felizes.
    Em nosso jardim cantam passarinhos de todas as especies e nos encantam.
    Um dia todo este encanto se apaga e temos que recriar novas emoções, até
    que uma nova estação os tragam de volta.
    É a vida que temos de levar sabendo que numa estação alguém vai desembarcar
    é certo que vamos sentir uma saudade dolorida.
    Um carinhoso abraço minha amiga com a paz no seu coração.
    Beijo no seu coração.

    ResponderEliminar
  24. Minha querida Fê

    O que posso dizer nesta hora tão triste e dolorosa? Nunca se está preparado para essas perdas,essa é a verdade. Não tenho palavras para a consolar e lhe dar ânimo.
    Peço ao Senhor que lhe dê a coragem e a força necessária para ultrapassar o desalento que está a sentir.

    Estou consigo em pensamento e abraço-a com muito carinho.

    ResponderEliminar
  25. Lamento a sua perda, Fê.
    Um beijinho para ajudar a superar esse mau momento.

    ResponderEliminar
  26. Quando li o título de sua postagem já senti o coração apertado. Nunca é o momento, embora saibamos que chega. E para todos. As pessoas queridas que se vão deixam vazios e só nos resta conviver com as lembranças e pedir a Deus que as receba com carinho. Que Ele a conforte. Grande beijo!

    ResponderEliminar
  27. Sinta-se abraçada, querida. Por certo, seu pai terminou a missão que lhe foi destinada, nesta vida, retornando à casa do Pai de todos nós. Bjs.

    ResponderEliminar
  28. O meu não é completo desde os meus dois anos e meio. E com o passar do tempo vai ficando menos completo. Infelizmente, a vida é mesmo assim. Não é fácil. Força!

    ResponderEliminar
  29. O meu mundo já se estilhaçou há muitos anos e tive de aprender a viver com isso. Mas as cicratizes perduram e cada vez parecem cavar mais fundo. Força, amiga Fê.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  30. Um grande abraço com votos de muita força, espero que tenha muito mais força que eu ,,,, que não estou a aguentar a perda da minha mãe que com 74 anos me deixou em meados de Fevereiro passado, parece que foi ontem, parece que é mentira, parece um pesadelo enorme que nunca mais acaba ....
    Um abraço de quem sabe o que está a passar!

    ResponderEliminar
  31. Um grande beijinho solidário.
    Onde quer que a sua luz se acenda, incidirá certamente sobre aqueles que o amaram...
    A 12 de Maio de 1987, o meu pai também se mudou para o céu. Ainda hoje, a sua ausência provoca saudade...

    ResponderEliminar
  32. Prima Fê

    O meu caloroso abraço, que não apazigua a dor da perda.
    Um dia nos reencontramos todos...
    Um anjo no céu, para cuidar dos seus.
    beijinhos

    ResponderEliminar
  33. Querida amiga

    Nascemos sabendo da morte...
    Mas não acreditamos nela...
    Então vivemos como se ela não existisse...
    Não aprendemos suas lições...
    E também não valorizamos a vida,
    que fica mais bela
    quando entendemos a morte...

    ___________________________________


    Gostaria de convidá-la a visitar o meu outro blog
    www.semvoceeunaoseria.blogspot.com.br

    Nele estou publicando textos inspirados em músicas.
    Projeto de um livro para acordar sentimentos.

    Se puder, escute a música, leia o poema
    e deixe sua valiosa opinião.
    Amigos sabem ler nossas entrelinhas,
    e muitas vezes nos veem melhor do que
    realmente somos.

    Aluísio Cavalcante Jr.

    ResponderEliminar
  34. Olá, momento triste que tem que ser vivido e ultrapassado, lamento a perca que lhe causa a dor forte que está sentir.
    AG

    ResponderEliminar
  35. Momentos de tristezas quando perdemos um ente querido,mas lembrando
    que foi uma viagem feita para uma nova morada.
    Que Deus a conforte amiga Fê.
    bjs-Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar
  36. Não há morte nem princípio

    tudo se move

    Bj

    ResponderEliminar
  37. Boa tarde. Fe. Não sei o que te entristece assim, mas se alguém a quem ama muito partiu saiba que Deus está com você e que todos temos uma missão na Terra e quando esta se finda, nasce outra no céu.
    Quando a pessoa ainda está nesse plano, todo nosso choro um dia cessará.
    Que Deus te proteja e conforte.
    Beijos na alma e paz.

    ResponderEliminar
  38. Fê, minha doce e tão querida amiga: que momento triste estás a viver! Já passei por esta perda anos atrás e a dor parece que se renova a cada dia no nosso coração de filha extremosa e dedicada. Será sempre assim, pois aqueles que partem deixam sempre um rastro de luz que aos poucos vai formando imagens e lembranças dos tempos bonitos que foram vividos juntos, em família. A figura de um pai estará sempre presente em nossos corações, povoando os nossos pensamentos e quanto mais o tempo passar mais as lembranças bonitas se formarão e a saudade será até um campo onde plantaremos os sorrisos que foram formados ao longo de toda uma vida de convivência. A saudade hoje, para ti, ainda é doída, te atormenta, te consome as energias e te faz sofrer, mas aos poucos, minha querida, a dor vai se apagando e a saudade vai se tornando suave... Acredito que seja até a forma encontrada por Deus para nos apaziguar a alma, ou seja, deixa-nos sofre a dor da perda, mas nos concede a bênção de ir harmonizando dentro de nós a saudade e as lembranças... As que tenho hoje do meu pai não são aquelas de vê-lo num leito de hospital, sofrendo, mas as do seu largo sorriso, da sua voz carinhosa, dos seus gestos de bondade, da sua compreensão das coisas, da tolerância para os defeitos alheios, da sua generosidade para com os menos favorecidos, e principalmente, a lembrança do seu imenso amor pela família. E assim, meu anjo, também será contigo. Viva este momento de dor, esta perda angustiante, mas saiba que aos poucos o seu coração irá se aquietar para formar as lembranças bonitas que, com toda a certeza, a tua alma saberá colher de tempos passados.
    Fica com meu carinho, minha amizade e toda a compreensão do meu coração para este momento da tua vida.
    Se hoje o sorriso se apagou e uma estrela deixou de brilhar... Amanhã,com certeza, ambos hão de voltar à tua vida favorecidos de bênçãos e da proteção e amor de Deus.
    Com carinho,
    Helena

    ResponderEliminar
  39. Linda Fê,
    quem nos deixa, deixa-nos sempre com o nosso próprio mundo incompleto, a "falha" será eterna.
    bj amg sempre
    <3

    ResponderEliminar
  40. Com muito carinho e infinita saudades
    hoje mesmo com uma colinha estou passando
    no seu blog . .
    Espero que fique feliz como estou
    por Deus ter me concedido essa força.
    Um abençoado final de semana,
    muitas bençãos para sua vida..
    Beijos meu carinho.
    Evanir..

    ResponderEliminar
  41. Querida Fê,

    Sinto sua dor, pois já passei por ela duas vezes, quando perdi meu pai e minha mãe.
    Tenho um consolo, revê-los um dia, na eternidade.
    Como reza a doutrina espírita, a morte não existe, mas apenas uma mudança de plano ou retorno à pátria espiritual.
    Seja forte e fique bem. Somente o tempo ameniza a dor e a transforma em doce saudade.
    Sinto imenso por você e família.
    Que Deus os fortaleça neste difícil momento.
    Sinta-se carinhosamente abraçada.
    Volte quando se sentir preparada.

    Beijão.

    ResponderEliminar
  42. Mia Couto sempre com as palavras certas. Espero que tenha coragem para a sua perda.
    Fico à esperta que volte. Beijo, amiga.

    ResponderEliminar
  43. Os meus sentimentos, Fê.

    Beijinho e força.

    ResponderEliminar
  44. Peço desculpa, só hoje me apercebi.
    Os meus pêsames, Fê.

    ResponderEliminar
  45. Uma escolha de primeira.

    Morre-se também assim...

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  46. Olá, Fê!
    O tempo, em todos os aspetos, é o melhor remédio.
    Sei como se sente, pke já passei pelo mesmo, mas, vamos, pouco a pouco, enfrentando e caminhando.
    Tenha cuidado, pke sei k já teve uma depressão (li num comentário seu).
    Console a mãe, ou melhor, amparem-se uma à outra. São mulheres, portanto, "paredes fortes".
    Se tivesse ido a mãe e não o pai, a situação seria mto mais complicada. Já pensou nisso, decerto.
    Vamos prosseguir, então!
    Um dia amplo e luminoso, tanto qto possível.
    Beijinhos, com estima.

    ResponderEliminar
  47. Fê,
    Abraço-a neste momento difícil!
    Coragem e que seu Pai descanse em paz!
    Carinhosamente,
    Ailime

    ResponderEliminar
  48. Minha Amiga..
    Estive no seu blog mas não estava podendo digitar ,
    mas hoje quero deixar meu carinho e solidariedade
    nesse momento tão difícil das nossas vidas...
    A perda é uma dor sem medidas porém Deus cuidará do seu coração
    como cuidou do meu quando perdi meu pai e depois de alguns anos foi minha mãe.
    Sei do sofrimento amiga querida que Deus esteja contigo
    sempre.
    Beijos ..Evanir.

    ResponderEliminar

  49. meus sentimentos!
    é uma dor irreparável!
    um sentimento de saudades
    deixo aqui meu abraço
    Zizi

    ResponderEliminar
  50. Beijinho meu Fê, e que os dias se tornem cada vez mais suaves e claros, como o voar de uma pomba branca...
    Obrigada pelo beijinho deixado no meu espaço....

    ResponderEliminar
  51. Que aconteceu, Fê? O teu mundo ficou mais vazio... Deixa-me mensagem no meu e-mail.... quando quiseres e se quiseres.... cá estarei para te ouvir! É para certos momentos que os amigos se fazem presentes!

    Beijinho grande querida amiga, aguardo, conta-me, sim?

    ResponderEliminar
  52. Minha amiga só hoje vi este seu post, lamento do coração a partida do seu pai, sei o que sente pois também o meu paizinho morreu à 3 anos. O nosso mundo fica incompleto sim, mas o importante é pensarmos que aqueles que amamos não morrem, eles permanecem eternamente no nosso coração.
    Deixo um abraço bem apertado e um grande beijinho.
    Maria

    ResponderEliminar
  53. Abro aqui esta excepção, para te deixar um apertado abraço, minha amiga. Com sabes, também perdi o meu, no dia 15 de Abril. Bem te compreendo e não encontro nenhuma poesia na morte...
    Beijo com carinho

    ResponderEliminar
  54. Ao longo da vida, mesmo que não se queira, nem que seja à força, temos que aprender a dominar uma única Arte...
    Vou deixar aqui um poema que apesar de simples, me diz qualquer coisa e, tal qual, como juntei as peças de dois computadores perdidos (o meu e o do meu miúdo) para construir um que me permite voltar aqui, também nós vamos juntando as "peças" do que nos vai sobrando da vida para conseguir viver mais um dia... de perdas.. nem que seja,.no mínimo, menos um dia de vida...

    One Art
    By Elizabeth Bishop

    The art of losing isn’t hard to master;
    so many things seem filled with the intent
    to be lost that their loss is no disaster.

    Lose something every day. Accept the fluster
    of lost door keys, the hour badly spent.
    The art of losing isn’t hard to master.

    Then practice losing farther, losing faster:
    places, and names, and where it was you meant
    to travel. None of these will bring disaster.

    I lost my mother’s watch. And look! my last, or
    next-to-last, of three loved houses went.
    The art of losing isn’t hard to master.

    I lost two cities, lovely ones. And, vaster,
    some realms I owned, two rivers, a continent.
    I miss them, but it wasn’t a disaster.

    —Even losing you (the joking voice, a gesture
    I love) I shan’t have lied. It’s evident
    the art of losing’s not too hard to master
    though it may look like (Write it!) like disaster.

    Quando eu conseguir dominar esta Arte, sei que vou valorizar ainda mais aquilo que ainda não perdi mas que está garantido... ser perdido...

    Bjos

    ResponderEliminar



Obrigada por estarem desse lado!
Fê Blue Bird