terça-feira, 23 de junho de 2015

"Noite de S. João"


Porto sentido (Rui Veloso) 
Noite de S. João
Noite de S. João para além do muro do meu quintal. 
Do lado de cá, eu sem noite de S. João. 
Porque há S. João onde o festejam. 
Para mim há uma sombra de luz de fogueiras na noite, 
Um ruído de gargalhadas, os baques dos saltos. 
E um grito casual de quem não sabe que eu existo.

Alberto Caeiro, in "Poemas Inconjuntos" 

*


São João do Porto
O São João do Porto é uma festa popular que tem lugar de 23 para 24 de Junho na cidade do Porto, em Portugal. Oficialmente, trata-se de uma festividade católica em que se celebra o nascimento de São João Baptista, que se centra na missa e procissão de São João no dia 24 de Junho, mas a festa do S. João do Porto tem origem no solstício de Junho e inicialmente tratava-se de uma festa pagã. As pessoas festejavam a fertilidade, associada à alegria das colheitas e da abundância. Mais tarde, à semelhança do que sucedeu com o Entrudo, a Igreja cristianizou essa festa pagã e atribui-lhe o S. João como Padroeiro. 
Trata-se de uma festa cheia de tradições, das quais se destacam os alhos-porros, usados para bater nas cabeças das pessoas que passam, os ramos de cidreira (e de limonete), usados pelas mulheres para pôr na cara dos homens que passam, e o lançamento de balões de ar quente(Daqui)



Magnífico colorido da zona da Ribeira, na cidade do Porto. É a cidade que deu o nome a Portugal – desde muito cedo (200 ac), quando se designava de Portus Cale, vindo mais tarde a tornar-se a capital do Condado Portucalense, de onde se formou Portugal e de onde, mais tarde, se construiu o Império Português, visto que foi construído, maioritariamente, por pessoas da Região Norte.

24 comentários:

  1. Boa noite querida amiga ,que saudades eu tenho do meu antigo bairro onde morei 20 anos ,chama-se Bairro São João e todos os anos se fazia a festa do São João,só tinha uma rua toda enfeitada ,no fim um palco para os músicos convidados e muita comida , até que um dia tudo acabou ,os mais velhos morreram e os mais novos não deram continuidade ,saudades desses tempos lindos onde as pessoas se divertiam toda a noite ,enfim os tempos mudam e as pessoas perdem um pouco as raizes ,mas aquele bairro era especial pois todos se conheciam ,eram como uma familia ,muitos beijinhos e viva sempre o São João.

    ResponderEliminar
  2. Fê, a imagem do topo é muito bela. Um colorido encantador. Os versos de Alberto Caeiro mostram aqueles momentos em que nos isolamos, independente do ruído que vem do lado de lá, onde mora a festa, de nós ausente.
    As comemorações de junho já foram mais numerosas. Lembro-me do interior, onde bandeirinhas, música, roupas características... transformavam as datas festivas em alegres reuniões. Hoje, só as vejo nos colégios, onde as crianças delas participam. Bjs.

    ResponderEliminar
  3. Que lindo! Que seja lindo teu S.João! bjs, chica

    ResponderEliminar
  4. Um baque ao ler o poema de Caeiro... é isso mesmo que eu sinto nestes dias de festas populares a que nunca me foi dado assistir. E sempre senti.

    Linda a imagem inicial do teu blog!!!

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  5. Linda foto na inicial da cidade do Porto e belíssima tela .
    Gosto de ler Alberto Caieiro, alem do ótimo som.
    Tudo bonito no 'blue bird'
    abraços

    ResponderEliminar
  6. Fê, Feliz São João! Lindo poema de Caeiro!
    Amanhã é feriado em Niterói, dia de São João Batista, padroeiro da minha cidade!
    São João é conhecido como o "Santo festeiro”, e nesse dia são realizadas muitas festas.
    Beijos
    Amara

    ResponderEliminar
  7. «Do lado de cá, eu sem noite de S. João.»
    Se não fosses tu, nem me lembraria nem do arco, nem do balão
    Nem me viria à lembrança
    as fogueiras da minha infância

    ResponderEliminar
  8. A foto do Porto é lindíssima!
    Que tivesses tido um bom dia de S. Joao.

    ResponderEliminar
  9. Oi Fê
    Que a comemoração de São João seja uma linda festa minha querida com muitas alegrias
    Encantada estou com a belíssima fotografia do Porto. Uma moldura linda no blog
    Beijos e um ótimo dia de São João

    ResponderEliminar
  10. Mal aqui entramos, Fê, somos brindados com uma foto linda, um poema lindíssimo e uma música maravilhosa. Não podia ser mais bem recebida. Adorei!

    Um beijinho

    ResponderEliminar
  11. Aquela fotografia do Porto é espectacular e mostra toda a sua beleza, é realmente uma cidade colorida e encantadora e por esta altura do S.João ainda mais bela fica com o povo na rua.
    Um abraço e continuação de um bom dia com o céu azul.

    ResponderEliminar
  12. Brilhante post

    Beijinhos

    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  13. ~~~
    ~ Belíssima homenagem à nossa «Sempre Leal e Ínvicta Cidade do Porto».

    ~~ «Bibó S. Joãoe!!»...~~

    ~ Abraço de parabéns pela excelente criatividade e sensibilidade artística. ~
    ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~

    ResponderEliminar
  14. Boa tarde, Manter a tradição do povo é fantástico, admiro a capacidade de organização da cidade em manter bem vivo os festejos do S. João.
    A foto da zona ribeirinha é de tirar o chapéu pela enorme beleza que tem.
    AG

    ResponderEliminar
  15. Eu gosto muito do ambiente de festa, do S. João.

    ResponderEliminar
  16. Agora, ao chegar aqui, ver, ler e ouvir, fiquei com os olhos rasos de lágrimas, Amiga Fê!

    O poema de Caeiro é tocante o Porto Sentido, faz-me sentir um misto de tristeza e nostalgia! A imagem belíssima!... Acho que algo me dizia isso...

    Linda homenagem ao Porto, que não sendo a minha cidade foi cá que nasceram os meus filhos e a sinto um pouco minha!

    Obrigada, Amiga! Estou tão comovida que não consigo escrever mais...

    Beijinhos, e um grande abraço!

    ResponderEliminar
  17. Excelente homenagem ao Porto, linda imagem!
    Profundo o poema de Caeiro, mexeu demais comigo.
    Sabes amiga fez 20 anos na noite de S. João que dormi no Porto, não, não fui festejar, acompanhava alguém (que já partiu) a consultas de um médico naturalista na esperança de salvar a vida, no quarto onde dormíamos ouvíamos os foguetes e os gritos de alegria, mas nem sequer à janela fui.

    Beijinho amiga
    Adélia

    ResponderEliminar
  18. Oi Fê,que música linda e esse texto sobre a noite de São João.
    Hoje também aqui no Brasil comemoramos essa data tão linda.
    Bjs-Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar
  19. Olá Fê,

    Espetacular esta foto do topo do blog, trazendo a imagem colorida da zona da Ribeira.
    Também linda a tela que ilustra os tocantes e sensíveis versos de Alberto Caeiro.
    Interessante as tradições mencionadas, como as dos alhos-porros e dos ramos.
    Por aqui, também comemora-se a noite de São João no dia 24 de junho, mas as celebrações são mais entusiasmadas nas cidades do interior e nas escolas. Há muita dança com as festas juninas. Sábado passado fui ver a dança dos meus sobrinho na escola deles. Diverti-me ao ver a criançada toda vestida a caráter.

    Tudo lindo.

    Beijo.

    ResponderEliminar
  20. Muito bela esta homenagem à cidade do Porto, com imagens magníficas e Alberto Caeiro a ajudar...
    Beijo.

    ResponderEliminar

  21. a imagem do Porto com esse colorido está muito boa.
    a música do Rui Veloso foi muito apropriada para esta homenagem ao Porto e ao S.João.
    beijinho
    :)

    ResponderEliminar
  22. E já passou o São João, já passou o São Pedro, falta a restauração rsss
    Desculpe, esta ausência o tempo limitado, não se consegue chegar a todo lado.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  23. Olá, Fê.
    O contraste da alegria com o pensar/penar de Pessoa - bonito.
    E... já se foi!
    A foto da Ribeira é muito linda, aliás, a Ribeira é linda, de noite e de dia, com sua cor, sua magia.
    Tem dias bem bonitos, Fê ;)
    bjn mag

    ResponderEliminar



Obrigada por estarem desse lado!
Fê Blue Bird