sexta-feira, 5 de junho de 2015

Reflexão para o fim de semana !


“O mar com fim será grego ou romano:
O mar sem fim é português.”

Fernando Pessoa



Vai de Roda & Uxía - "A Roupa do Marinheiro" 
 
*

BOM FIM DE SEMANA!
Beijinhos



A ROUPA DO MARINHEIRO

A roupa do marinheiro
Não é lavada no rio
É lavada no mar alto
À sombrinha do navio

À sombrinha do navio
À sombrinha do vapor
Vai-te embora, marinheiro
Que eu não sou o teu amor

Que eu não sou o teu amor
Que eu não sou o teu amor
Eu não sou como a figueira
Que dá fruto sem flor


Do álbum "Polas Ondas" (1996).
Tradicional do Minho.

*

20 comentários:

  1. Linda reflexão de Fernando Pessoa e essa poesia,viajamos nesse mar.
    Bjs Fê e um ótimo final de semana.
    Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar
  2. Lindo como sempre!

    Bom fim de semana para ti também.

    Beijinho

    ResponderEliminar
  3. Maravilhoso querida amiga ,sempre um prazer enorme aqui estar ,muitos beijinhos coração.

    ResponderEliminar
  4. "E ao imenso e possível oceano"

    Guardo esse e teus versos, declamados na infância
    Guardo-os desde criança

    ResponderEliminar
  5. Muito lindo o mar e tudo aqui! Ótimo fds! bjs, chica

    ResponderEliminar
  6. Prima Fê
    Excelente fim de semana, com o mar por perto...
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  7. O Mar está na minha vida por morar perto de mim e esta inspiração de Fernando Pessoa tão graciosa me encantou. Excelente escolha amiga.
    beijinhos,
    Léah

    ResponderEliminar
  8. Olá Fê,

    Bela foto. Imagem relaxante.
    A melodia da música também é linda.

    Ótimo final de semana.

    Beijo.

    ResponderEliminar
  9. Fantástico poema. Adorei a foto.

    Beijos, bom sábado.

    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  10. Será verdade que a figueira dá fruto sem flor? Muito interessante saber disso, bem como ouvir a melodia belíssima, desse tão singelo poema! Amei, Fê! Sua sensibilidade é dom divino! Beijos!

    ResponderEliminar
  11. Uma reflexão admirável do Fernando Pessoa, fez-me lembrar o Padre António Vieira " Para nascer Portugal, para morrer todo o mundo"
    Um belo poema e uma fotografia fantástica.
    Um abraço e bom fim de semana.

    ResponderEliminar
  12. Creio ser a voz da cantora Uxia, Simplesmente fabuloso e com tão grande simplicidade ! Uma autêntica pérola !
    Não conseguia desligar, Fê !

    Um bom fim de semana ! :))

    ResponderEliminar
  13. Olá Fê.
    Um lindo final de semana. Beijos.

    ResponderEliminar
  14. O mar português guarda nele muita lágrima e foi o choro de quem ficou e abalou que o fez salgado! :)

    A tua foto é imensamente bela, Fê. Como diz o Emanuel é sempre um prazer enorme estar aqui contigo!

    Sabes que o cancioneiro Alentejano também tem uma canção muito semelhante a essa?

    Um grande beijinho e bom fim de semana, Amiga.

    ResponderEliminar
  15. O mar é também uma das minhas paixões... Gosto muito desta música. Tenho o disco.
    Beijo

    ResponderEliminar
  16. Que o mar sem fim seja português e grego, já agora!

    Beijos, Fê. :)

    ResponderEliminar
  17. O mar é de quem o sabe desejar.
    Uma boa semana, Fê :)

    ResponderEliminar
  18. O mar que nós abandonámos com a adesão à UE e que agora parece querermos recuperar.
    Devia ter sido ontem.
    E já seria tarde.
    Beijinhos, boa semana

    ResponderEliminar
  19. Que foto excelente! texto mt bom!

    Beijo...visite-nos...http://quadrasepensamentos.blogspot.pt/

    ResponderEliminar



Obrigada por estarem desse lado!
Fê Blue Bird