quarta-feira, 9 de dezembro de 2009

Blue Bird

 Já fui um passarinho colorido
com penas mágicas envaidecido.
Um dia... minhas penas perdi,
quebrei...chorei...quase desisti.

Mas...renasceram novas penas...

De um azul forte e glorioso
 e num dia de SOL...


c  a  u  t  e  l  o  s  o
 olhei para o céu
            minhas asas abri...
...e voei...voei... para mim !



2 comentários:

  1. Lindo...mesmo que percamos tudo, devemos continuar a sorrir para a vida. Mais cedo ou mais tarde, a vida devolver-nos-à o sorriso.

    Um beijo e até...

    ResponderEliminar
  2. Mesmo que os nossos olhos estejam húmidos os nossos lábios têm que sorrir!
    E este nosso cantinho dá-nos sempre um sorriso quando lê-mos as doces palavras duma amiga!
    Beijinhos!

    ResponderEliminar

Todos os comentários serão respondidos e as visitas retribuídas.
Prometo ser tão breve quanto a minha saúde e disponibilidade o permitir.
Obrigada, por me darem 5 minutos do vosso tempo.