quinta-feira, 15 de abril de 2021

Algarvia de Gema

Agosto de 2020

Pequenina, rosto enrugado e olhar atento, esta é, a nossa avó Lucília, como carinhosamente lhe chamamos, e que já soma a bonita idade de 91 anos.
Dos quatro era a mais discreta. Entre a energia do marido, meu sogro, homem do mar habituado a tormentas, da minha mãe, activa e presente em todo o lado,  e do meu pai, bom garfo e bom conversador,  ela quase passava despercebida.
Habituada em criança a pouca coisa, e a trabalho duro, como quase todos da mesma geração, foi mantendo ao longo da vida, os mesmo hábitos. Tudo se economiza. 
Se o mundo fosse gerido por pessoas assim, de certeza estaria menos poluído, menos competitivo. Estes sim, são os verdadeiros amigos do ambiente.
Vive sozinha, desde que o meu sogro faleceu há 11 anos, numa aldeia que é também freguesia, no barlavento algarvio. 
Independente, lúcida, organizada e com uma postura serena. Nunca ouvi da sua boca, uma lamentação.
Quer estar na sua casa, no seu cantinho, como ela gosta de dizer.
Com a pandemia, alterou as rotinas e isso afetou-a, mas nem um queixume, e não quer que  o seu único  filho (meu marido) se preocupe (como se fosse possível).
Tem uma vizinha que a ajuda com as compras, de resto faz tudo em casa.
Já foi vacinada, e só agora quer que a visitemos. Respeitámos e respeitamos sempre as suas decisões.
Todos os dias lhe telefonamos, estamos atentos e informados, mas distantes geograficamente, e obviamente preocupados, pois a visão tem piorado, o seu único problema de saúde.
Amanhã vamos ver como está está, mantendo todos os cuidados para que esta serenidade não se altere.

Portanto, vou estar uns dias ausente dos blogues, mas presente nos afectos que já tardam.

Fiquem bem !
Um beijinho a todos.

Fê blue bird

51 comentários:

  1. Que lindo! Será uma ótima visita e ela ficará emocionada, na certa! Aproveitem bem, com todos os cuidados e tudo dará certo! um beijo especia pra ela! beijos, chica

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Chica,
      a emoção vai ser uma certeza.
      Vamos fazer com que tudo dê certo.
      Beijinho e tudo de bom para si e para os seus.

      Eliminar
  2. Esta serenidade faz inveja. É aceitar-se e gostar de viver.

    Ficamos, assim, mais leves e corajosos.

    Beijos, Fé.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É verdade Teresa,
      quantas pessoas, até bem mais novas, lamentam a vida e falam da morte, nunca ouvi da boca dela nada disso, sempre positiva e confiante.
      Um exemplo de vida.

      beijinho grato

      Eliminar
  3. Ela vai gostar, tenho a certeza.
    Beijinho, Fê.
    P.S. - Não te esqueças de votar

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Já tardava esta visita.

      Beijinho, António.

      P.S. já está ;)

      Eliminar
  4. Olá, amiga Fê!
    Faz muito bem em visitar a sua avó. Por certo ela ficará muito feliz com a sua companhia.
    Aproveite bem esse tempo junto de quem tanto ama.

    Votos de uma boa estadia!
    Um beijinho para si, e um muito especial para a sua avó!

    Mário Margaride

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Boa noite amigo Mário,
      Não é a minha avó, é a minha sogra (risos), mas eu, chamo-lhe com afecto, avó Lucília.
      Vamos aproveita sim, pois não sabemos o que o futuro nos reserva.

      Obrigada!
      Um beijinho também para si.

      Eliminar
  5. Querida Amiga Fê,
    Que lindo seria se o Mundo fosse feito e gerido por elementos básicos, por gente simples, desapegada dos valores fora da ordem normal e moral, fundamentados somente em seus aspectos convencionais e superficiais, quais nada compõe de valor na realidade.
    Somos gente de bem e, ainda cabe a nós, nos preocuparmos e valermos pelas crianças e principalmente por nossos idosos tão amados.
    Que em breve os encontros pessoais e familiares deixem de ser somente um derriço fugaz.
    Para ti, hoje deixo cinco minutos de amizade e beijos... Cuide-se bem!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Amigo Douglas,
      É verdade, gente simples, que dá valor ao que realmente importa, sem superficialidades.
      Tem o conforto necessário para uma vida digna e isso basta-lhe.
      Durante esta pandemia, tem sido uma preocupação a impossibilidade de a visitar. Mora a mais 300 kms de distância, não tem mais ninguém de família. Mas na aldeia onde vive, os vizinhos cuidam-se mutuamente, coisa que nas cidades já não se usa, infelizmente.
      Assim espero meu querido amigo, que tudo volte à normalidade, para bem de todos nós, e principalmente dos mais frágeis.
      Cuide-se bem também!

      Um beijinho grato.

      Eliminar
  6. Uma bonita idade.
    A família está primeiro, volte quando puder.
    Continuação de boa semana, querida amiga Fê.
    Beijo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bonita idade, e com saúde, uma bênção!
      Obrigada meu querido amigo.
      Fique bem também. Até breve.
      Beijinho

      Eliminar
  7. Boa tarde
    Ao ler esta publicação não podia deixar de identificar este caso com uma pessoa que também me é muito querida e com praticamente a mesma idade. Trata se do meu sogro que com 90 anos é totalmente autónomo também viúvo,mas tem uma força de viver fora de série. É ele por vezes que me dá o ânimo que preciso quando estou desanimado.
    Muita saúde para a senhora sua sogra assim como para o meu também.

    JR

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Boa noite Joaquim.

      Também é ela que nos anima e nos diz para termos calma, quando desabafamos.
      Muito bonito puder e saber envelhecer assim.
      Saúde para ambos!

      Eliminar
  8. Que tudo corra bem com a sua sogra e também com o resto da família.

    Beijinho, bom final de semana :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. São, Obrigada!
      Acabei de chegar, tudo correu bem, apesar de ser cansativo. Pouco tempo e muita coisa para fazer.

      Beijinho e continuação de bom domingo.

      Eliminar
  9. Bem-vindo a conhecer e se reunir com sua sogra.
    Que ele sempre tenha saúde e felicidade.
    Saudações da Indonésia.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bem-vindo, Himawan Sant.
      Obrigada pelas suas palavras, vindas de tão longe :)
      Desejo-lhe o mesmo, saúde e felicidade.

      Saudações de Portugal.

      Eliminar
  10. Uma pessoa que sabe que o melhor é a calma. Se tivermos calma, a perspectiva das situações é outra e a resolução pode ser diferente.
    A minha Madrinha também tem 91 anos e aconselha calma.
    Que esteja tudo bem com ela.
    Beijos e abraços
    Marta

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Marta,
      Acho que o segredo para se chegar a esta bonita idade é mesmo esse, ter calma.
      Um geração diferente, pois na nossa, a calma já não existe. Tudo agora é stressante.

      Beijinhos e abraços também para si.

      Eliminar
  11. :) Bons reencontros, Blue Bird!

    Estaremos à sua espera, mas aproveite e prolongue essa estadia tanto quanto puder!

    Beijinho grande!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Maria João, obrigada!
      O reencontro foi emotivo como era de esperar.
      Tudo correu bem, mas os problemas sérios com a visão e audição deixam-nos muito preocupados.
      A minha sogra continua a insistir que não quer sair de casa. Vamos respeitar até ser possível.
      Acredite que nem o mar fomos ver, em tão pouco tempo, cuidar, limpar e fazer compras, não deu para mais.
      Tínhamos que vir para cima, pois aqui também temos muito, para nos preocuparmos, mas isso é outra história...

      Beijinho grande, já a vou visitar :)

      Eliminar
    2. Ah, Blue Bird, respeite esse desejo da sua sogra de permanecer na sua casa tanto quanto for possível!
      Tente recorrer a eventuais apoios que por aí possam existir; eu, por exemplo, já tenho apoio alimentar (excepto aos fins-de-semana e feriados) e para tomar banho, também.

      Garanto-lhe que entendo muitíssimo bem essa insistência da sua sogra que é muitíssimo mais forte do que um simples capricho...

      Creio que já haverá por aí entidades devidamente credenciadas que possam oferecer esse apoio aos doentes e idosos que, como eu, prezem acima de tudo e, por vezes, tanto quanto à própria vida, a pouca autonomia que lhes reste...

      Desculpe-me se lhe pareço estar a meter o nariz onde não sou chamada, mas não imagina como me identifiquei com essa senhora...

      Beijinho grande!

      Eliminar
    3. Maria João,
      Tornei pública esta vivência, portanto estou receptiva a opiniões, a sua é sempre apreciada, e bem-vinda, acredite.
      Vamos respeitar sempre o desejo da minha sogra, como aliás respeitei o da minha mãe. Ela tem apoio nas compras e agora falámos com uma vizinha que lhe vai fazer as limpezas, para o resto, não quer ainda. Vive numa aldeia que é também freguesia, tem um centro de saúde a 50 metros, uma padaria ao lado e um supermercado bem perto, portanto não está isolada.
      Um beijinho, e obrigada uma vez mais.

      Eliminar
    4. Fico bem mais descansada, assim, Blue Bird. O isolamento pode ser trágico, quando a autonomia física começa a faltar. Beijinho!

      Eliminar
  12. Gostei de ler! Um exemplo de Senhora. Que bom que já vai ser visitada pelo seu querido Filho. Desejo que passem bons momentos com Ela!

    -
    SINTO FALTA...
    -
    Beijos, e um excelente fim de semana.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada , Cidália.
      Sim, um exemplo de força interior e muita resignação. Como filho único, imagine como foi o reencontro.
      Passámos bons momentos, pena serem breves.

      Beijinho e continuação de feliz domingo

      Eliminar
  13. Que história linda, com 91 anos preza pela sua independência, faz o que pode sozinha, cuida-se...
    Gostei de ler, querida Fê, uma pessoa assim será sempre um exemplo!
    Beijo, um feliz fim de semana!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Querida Tais,
      A minha sogra faz parte de uma geração, que passou por muitas dificuldades. Por isso, a pandemia, é só mais um obstáculo a vencer.
      Um exemplo de vida e de resiliência.

      beijinho, continuação de feliz domingo, e muita saúde.

      Eliminar
  14. Fê,espero que desfrute muitos momentos assim com os teus. É preciso saber vvalorizar cada momento com quem nos é caro.
    É sempre muito bom ler você,sentir as emoções que passa em cada texto.
    Xeru

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Vall, obrigada pelas suas palavras e carinho !

      São momentos preciosos, que embora breves pelas circunstâncias, são intensos e valorizados.
      Beijinho

      Eliminar
  15. Que linda à história de D. Lucília. Que prefere ficar quietinha no seu cantinho. Como viu dei uma pausinha necessária só vou tentar postar em um dos blog o Jesus meu Porto Seguro. Que vc tbm acerte tudo aí tbm tenha uma pausa com bom descanso. Quero te desejar um bom fim de semana na Paz do Senhor Jesus. Volte assim que puder. Bjs querida

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Querida Nal Pontes.
      Vou, assim que puder, fazer uma visita ao seu blogue.
      O descanso foi pouco para o muito que havia a fazer, mas quando se faz por gosto, tudo corre bem.
      Desejo-lhe também paz e continuação de um feliz domingo.

      beijinho grato

      Eliminar
  16. Que Deus lhe dê saúde para continuar feliz no seu cantinho.
    Abraço e saúde para os três.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, Elvira,
      Assim espero e também lhe desejo.

      Um beijinho, e muita saúde também para si e para os seus.

      Eliminar
  17. Gostei de ler a história de vida da avó Lucília.
    Mulher de fibra.
    Espero que a tenhas encontrado bem.
    Já regressaste?
    Boa semana.
    Beijinhos Fê
    😘

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Já cá estou Manu, obrigada!
      Foram menos de 48 horas, estava bem dentro do possível.
      Vamos estar atentos, porque a idade, já pesa.

      Um beijinho e feliz semana.

      Eliminar
  18. Gosto de histótias e a da sua avó Lucília é uma inspiração. Mulher que vive a sua plenitude mesmo com a idade avançada. Boa viagem. bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Norma.
      Outra geração, outra realidade, mais serena e inspiradora.

      Beijinho e feliz semana para si !

      Eliminar
  19. Que maravilha de partilha, amiga Fê!!!
    Eu tive duas sogras lindas, duas mulheres de garra e coração doce. Recebi delas mais mimo que da minha mãe. Acontece! As três são agora estrelinhas brilhando no (meu) céu.
    Saúde para a família toda. Beijinhos para a avó Lúcia... de novo sozinha na sua casinha.
    Beijo, excelente semana.


    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Teresa.
      Tive sorte com os meus sogros, assim como tive com os meus pais, e acho que eles tiveram também, sorte com os filhos, tanto eu como o meu marido somos filhos únicos :)
      A avó Lucília é agora a única sobrevivente, respeitaremos sempre a sua vontade.

      beijinho minha amiga.

      Eliminar
  20. É tão bom envelhecer assim!
    Grande beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ana, estou completamente de acordo contigo.
      Para tudo é preciso ter sorte, e a genética também dar uma ajudinha :)

      Beijinho grande .

      Eliminar
  21. Bom dia de paz, querida amiga Fê!
    Que vida bonita e revigorada pela fé.
    Gosto de preservar a vida dos filhos também. A saudade faz sangrar nosso 💙, mas é preciso por ora.
    Fico contente que tenha podido visitá-la um pouco que seja.
    Gestos delicadissimos fazem toda diferença.
    Muito obrigada pelo seu carinho na minha ausência.
    Sua força me revigora.
    Deus a abençoe junto aos seus.
    Beijinhos carinhosos e fraternos
    🐛🦋🌼🐦🐞🌻🌷🌺🌈🍀🙏😘

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Boa tarde, minha querida amiga.
      Sabe o que a minha sogra me disse quando lhe perguntei se se sentia sozinha :
      "- Não, tenho a companhia de Nossa Senhora e do meu Anjo da Guarda, todos os dias rezo o terço, é a fé que me dá força e coragem para viver."
      Não preciso de lhe dizer mais nada, está tudo aqui confirmado.
      Eu é que lhe agradeço querida Rosélia, acho que nunca irei estar à altura da dedicação e amizade que me dedica.
      Deus a proteja e a abençoe também, assim como aos seus .

      Um grande beijinho e um abraço apertado🙏😘

      Eliminar
    2. Amiga, tenho em minha companhia aqui ao lado uma imagem de Nossa Senhora Aparecida que ganhei do meu amado que me acompanha fielmente. Além do mais, a Presença espiritual da Corte Celestial é imprescindível.
      Obrigada, amiga de ouro
      💐😘

      Eliminar
  22. Muito linda esta velha nova senhora no cantinho todo seu.
    Envelhecer-se numa aldeia é diferente e ela sabe como viver.
    Vendo sua imagem viajo na imagem de minha vó paterna, que vivia no seu cantinho sagrado, onde em criança era meu reino, meu pequeno mundo no campo.
    Que ela seja bem imunizada e tenha vida leve e alegre.
    Beijo amiga e cuide-se.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Amigo Toninho,
      Nas aldeias é tudo mais fácil, mais sereno do que nas agitadas cidades.
      Viver e envelhecer, num espaço que sempre se conheceu é bem mais tranquilizador.

      Obrigada meu amigo, tudo de bom para si, e para os seus também.
      Beijinho.

      Eliminar
  23. Grata por esta partilha tão especial, Fê!
    Estimo que a avó Lucília, continue por muitos e bons anos, a orientar a sua vidinha, do jeito de sempre... com saúde, uma profunda sabedoria... e a admirável independência de que não abdica...
    Estimo que tenha passado bem com as tomas das vacinas. A minha mãe, ainda andou bem murcha durante mais de uma semana, após a segunda... depois lá arrebitou... eu é que ia tendo um treco, nesses dias, de ansiedade, por causa da sua medicação para o sangue... como adivinhar se a mesma poderia ou não dar problema? Enfim!... Já passou!
    Beijinhos! Saúde para todos, com tudo a correr pelo melhor!
    Ana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Ana, pelo seus sensível comentário.
      Felizmente a minha sogra não teve nenhuma reação adversa às vacinas. Eu e o meu marido é que também estávamos ansiosos, pois vivemos muito longe dela.
      Ana, o que temos passado, cada um à sua maneira, dava para escrever um livro. Não tem sido fácil viver, em ansiedade permanente.
      Temos que ter esperança e coragem!

      Beijinhos, e muita saúde, também para si e para a sua mãe, e que os dias vão passando para ambas, mais serenos.

      Eliminar

Todos os comentários serão respondidos e as visitas retribuídas.
Prometo ser tão breve quanto a minha saúde e disponibilidade o permitir.
Obrigada, por me darem 5 minutos do vosso tempo.